No Comment

Novo algoritmo do Facebook: o que mudou e como se adaptar?

Cada vez mais o Facebook se torna parte essencial das nossas vidas. Ciente disso, a rede social está sempre buscando maneiras para ajustar a experiência dos seus usuários para aproximá-la mais da sua visão. E quem trabalha com marketing, principalmente, precisa estar por dentro das mudanças do novo algoritmo do Facebook.

Qualquer variação no método de veiculação dos posts pode impactar diretamente no alcance e engajamento que uma marca obtém na rede social. Mas não precisa entrar em pânico! Até porque nenhuma das mudanças representa o “fim do mundo” para quem depende desse canal para impactar seu público.

Se você planejar as suas ações e entender como o sistema funciona, pode ter certeza de que os resultados serão satisfatórios. Então veja, a seguir, mais detalhes sobre o novo algoritmo do Facebook e aprenda como adaptar algumas das suas iniciativas para não se prejudicar:

Mais foco aos amigos e grupos

A notícia de que o novo algoritmo do Facebook daria prioridade às publicações feitas por pessoas e grupos foi a que mais preocupou quem trabalha com marketing. O ajuste é uma resposta a uma série de críticas que a rede social recebeu após a popularização de páginas que veiculavam discurso de ódio e notícias falsas.

Mas, antes de soar o alarme em seu setor de conteúdo, saiba que há jeitos de contornar a mudança. Um exemplo é investir em anúncios e, com isso, levar seu material para as pessoas certas. Você também pode se esforçar ainda mais para compreender as expectativas do seu público e entregar posts que agreguem valor a ele.

Mudanças no entendimento de engajamento

O algoritmo do Facebook está sempre em busca de formas para entender melhor como as pessoas interagem entre si e com um conteúdo que elas acham interessante. Uma das mudanças realizadas recentemente passa a ter critérios mais claros para definir engajamento e, assim, dar mais destaque a posts que agradam mais.

Alguns dos atributos considerados incluem o local de compartilhamento (Facebook ou Messenger), hora da postagem, número de interações e tempo passado consumindo o conteúdo. Portanto, para aprimorar os resultados da sua marca na rede social, aposte na criação de conteúdo que atraia a atenção do público pelo maior tempo possível e cause um impacto significativo.

Penalização a iscas de engajamento

Sabe aqueles posts que simulam enquetes usando os botões de engajamento? Ou que abertamente pedem compartilhamentos prometendo algo em troca? Eles terão seu alcance diminuído pelo algoritmo do Facebook, já que, na visão dele, não contribuem para um ambiente produtivo dentro da rede social.

Até aqui você já percebeu a importância do engajamento para se manter em contato com seu público no Facebook, apesar das mudanças. No entanto, tome cuidado para não usar táticas que sejam malvistas pelo sistema. Concentre-se em abordagens de qualidade, ou seja, que entreguem valor aos seguidores.

Acompanhar as novidades e atualizações é essencial para atuar de forma estratégica na plataforma — e você está no caminho certo. Ficou claro o quanto as mudanças do novo algoritmo do Facebook podem impactar a presença da sua marca nessa rede social? Pois chegou a hora de rever as suas campanhas e realizar as adaptações necessárias.

Mas, antes, compartilhe este artigo nas suas redes sociais e ajude a deixar outras pessoas atualizadas. Até a próxima!

Relacionados
Posts Relacionados
Saiba como evitar os 5 maiores erros de automação de marketing ( 11 out,2018 )
Por dentro: 4 tendências de marketing que todo profissional da área deve conhecer ( 13 jul,2017 )
5 dicas infalíveis para vender mais na Black Friday ( 16 nov,2017 )
Dispositivos Móveis – Como Estar Presente na WEB ? ( 18 maio,2015 )
Por que é importante entender o papel da diversidade na publicidade? ( 2 ago,2018 )
Quer saber mais sobre Marketing Digital? Clique aqui e baixe nossos e-books